trem-anima

 

Palestra motivacional discute o papel do funcionalismo público na vida do cidadão

No último dia 22 de novembro, o analista de gestão e psicólogo André Miranda desenvolveu uma atividade motivacional, em uma contribuição com o setor pessoal, com os colaboradores da superintendência de Maceió no Café com Ideias, que teve como tema da vez “Comprometimento e Motivação no Serviço Público”, onde foram pontuados os desafios dos profissionais do setor público, com o intuito de fomentar a dimensão da contribuição individual no desempenho de suas funções com o âmbito do resultado desse trabalho na vida da população.

               Colaboradores da Superintendência de Maceió em Palestra             Colaboradores da Superintendência de Maceió em Palestra

Segundo André, no serviço público, a possibilidade de frustração é mais frequente do que em outras realidades, dada a dificuldade no remanejamento dos empregados, a falta de clareza das metas organizacionais, falta de indicadores para orientar as ações, gratificações adicionais por metas atingidas, entre outros. Não existe uma fase da vida profissional na qual a desmotivação seja mais visível. Ela sempre ocorrerá quando houver um descompasso entre os desejos do indivíduo e as necessidades da organização. Uma boa empresa será aquela que na percepção do empregado essa relação de reciprocidade seja obedecida.

Colaboradores da Superintendência de Maceió em Palestra

A importância da atuação do psicólogo tem como pretensão sugerir a forma de operação do fenômeno da motivação, a forma como ela se materializa na organização e quais as estratégias recomendáveis para manter os colaboradores motivados. De uma maneira sintética, as pessoas se comprometem com as atividades de maneiras diferentes. Descobrir qual o tipo de comprometimento e qual estratégia mais eficaz, lança uma luz para que as ações sejam mais eficientes, respeitando a diversidade que é encontrada entre os empregados, pois em qualquer tentativa de padronização, ações desse âmbito tendem a fracassar.

Colaboradores da Superintendência de Maceió em Palestra

Toda ação realizada dentro da Companhia Brasileira de Trens Urbanos deve ter a prerrogativa de colocar o usuário em primeiro lugar. Com essa percepção clara ao colaborador, o significado se torna maior, suas tarefas tenderão a ser menos cansativas e consequentemente o trabalho será mais motivador. O psicólogo André conclui sua análise afirmando que quando se tem o reconhecimento claro do que se está realizando, os colaboradores se envolvem mais facilmente com as tarefas.

 

COMAK/Maceió