trem-anima

 

2399A CBTU Belo Horizonte passa a adotar, a partir de terça-feira (24/11), a medição de temperatura corporal dos empregados próprios e prestadores de serviços que atuam em suas dependências, a começar pelas estações. Ao todo, foram comprados 30 termômetros, que serão utilizados em todas as estações, nos Pátios Eldorado e São Gabriel, na Unidade de apoio Calafate e nas salas de maquinista de Eldorado e Vilarinho. 

O novo procedimento visa ampliar as ações de prevenção contra a Covid-19 e reforçar as medidas de proteção a todos os trabalhadores que atuam na prestação de serviços essenciais à população. Segundo a assistente executivo da Saúde Ocupacional, Lídia Félix, “a febre é um dos sintomas mais frequentes da infecção pelo coronavírus e a medição regular de temperatura é uma das formas de acompanhamento e rastreio mais eficazes na prevenção. Embora a verificação da temperatura com termômetro clínico não dispense a consulta médica, a medida pode servir para um sinal de alerta e um cuidado ampliado”.

Empregados da CBTU que apresentarem temperatura superior a 37,5°C serão orientados a procurar um serviço de saúde de sua preferência e se confirmado o diagnóstico, informar à Saúde Ocupacional sobre o afastamento temporário, permanecendo em contato com a área para que seja acompanhado e orientado quanto aos demais procedimentos inerentes. Já os empregados terceirizados que apresentarem temperatura corporal acima de 37,5°C deverão avisar ao fiscal do contrato de sua empresa para que esta providencie o encaminhamento de seu profissional ao serviço médico de preferência, bem como para que conduza as questões relativas a afastamento, substituição temporária do posto de trabalho, entre outras.