trem-anima

 

2658A Coordenação de Desenvolvimento de Recursos Humanos da CBTU Belo Horizonte realiza, nos meses de novembro e dezembro, o treinamento “Centro de Controle de Operação Alternativo”. A capacitação ocorre para 27 empregados da Gerência de Planejamento e Controle Operacional. O objetivo da qualificação é conhecer e aplicar os novos recursos do programa CCO Alternativo, atualmente na versão 6, em uma carga horária de 2h/aula. 

Uma das novidades do treinamento é o Programa de Rolamento. Esse novo software tem como finalidade equalizar a quilometragem dos metrôs e verificar quais os melhores trens disponíveis para acoplar (quando um trem simples, de quatro carros, vira um trem acoplado, de oito carros), e ser disponibilizado na via, a fim de prestar serviço aos usuários. O idealizador do sistema e assistente operacional, José Geraldo, afirma que, o novo programa traz a possibilidade de organização de um rodízio inteligente dos trens, aumentando a vida útil dos metrôs. “A manutenção nos trouxe a preocupação de os metrôs não estarem rodando com uma quilometragem equitativa, prática que desgastava mais determinados trens”.

Para o assistente operacional, Reynaldo Arantes, o programa criado recentemente é bem fácil de ser executado. “Esse novo software é um facilitador para nós. Ele é de simples compreensão, o que torna o conjunto excepcional para que possamos trabalhar melhor a questão do controle da quilometragem dos trens”, afirma.