trem-anima

 

ac171218Sustentável, eficiente, seguro e gerador de desenvolvimento, o sistema de transportes sobre trilhos avança em planejamento e estudo de responsabilidade técnica. Foi lançado em Brasília na última semana pela ANPTrilhos o Caderno Técnico de Estudos de Viabilidade, que pretende contribuir para a realização de um criterioso programa de ampliação de transferência de conhecimento sobre diferentes áreas ligadas à estruturação de projetos ferroviários urbanos.

O documento é fruto de um acordo de cooperação entre a ANPTrilhos e o Ministério das Cidades, através da Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana (SEMOB). O material foi desenvolvido por um Comitê formado por notáveis profissionais do setor, dentre os quais dois empregados da CBTU, André Corrêa Jóia e Raul Maurício Cahet Lisboa.

- O Caderno Técnico é uma importante ferramenta para compartilharmos o conhecimento técnico, jurídico e regulatório dos operadores metroferroviários com os formuladores de políticas públicas, contribuindo para que novos e bons projetos sejam desenvolvidos para a expansão dos sistemas metroferroviários no Brasil - ressalta Joubert Flores, presidente da ANPTrilhos.

Durante o lançamento, o secretário Nacional de Mobilidade Urbana do Ministério das Cidades, Inácio Bento de Morais Junior, enfatizou que o Caderno vai suprir uma lacuna no mercado e colaborar decisivamente com os técnicos do Ministério.

- Com o Caderno Técnico de Estudos de Viabilidade e outras ações que o Ministério das Cidades tem tomado para o incentivo da implantação de transporte sobre trilhos, nós vamos trilhar um caminho sem retorno para incentivar esse tipo de transporte, porque é a saída que nós temos para as grandes cidades brasileiras - destacou o secretário, que frisou a importância do modal na participação das ações de combate à geração de gases poluentes.