trem-anima

 

2130Equipes da CBTU-BH passaram a compor, em setembro, o Centro Integrado de Operações de Belo Horizonte (COP-BH) com equipes atuando, 24h, diariamente. A instituição é responsável por agir no cotidiano da cidade, em grandes eventos e também nas situações mais adversas. A Sala de Controle Integrado (SCI) possibilita a tomada de decisão mais rápida e acertada, permitindo o gerenciamento de situações complexas, simultaneamente, e com menor tempo de resposta.

Para Rodrigo Guimarães, gerente de Segurança Operacional da CBTU-BH, a presença da Companhia no COP facilita a tomada de decisão e garante a segurança dos usuários fomentando a cooperação entre diferentes órgãos, em favor da mobilidade urbana.  Já a diretora do Centro Integrado de Operações de Belo Horizonte, Geórgia Ribeiro Rocha, assegura que o COP-BH é uma ferramenta de gestão inteligente, capaz de atuar de forma coordenada na solução de problemas e pronto a agir e preservar a integridade de todos os belo-horizontinos.

Integração vital: Criado em 2014 e vinculado à Secretaria Municipal de Segurança e Prevenção (SMSP), o COP-BH reúne, atualmente, 15 instituições, entre as quais, Batalhão de Trânsito da Polícia Militar de Minas Gerais (BPTRAN); Brazilian Traffic Network (BTN); Centro de Coordenação Operacional da Polícia Militar de Minas Gerais (CICOP); Companhia de Gás de Minas Gerais (GASMIG); Companhia de Saneamento de Minas Gerais (COPASA); Companhia Energética de Minas Gerais (CEMIG); Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG); Empresa de Transportes e Trânsito (BHTRANS); Guarda Municipal de Belo Horizonte (GMBH); Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG);  Subsecretaria de Proteção e Defesa Civil (SUPDC); Subsecretaria de Fiscalização (SUFIS); Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e Superintendência de Limpeza Urbana (SLU), entre outros órgãos que são vitais  para o funcionamento da cidade.

A Sala de Controle Integrado realiza o monitoramento de aproximadamente 1600 câmeras espalhadas em pontos estratégicos da capital e coordena os atendimentos aos acidentes de trânsito e as ações de segurança municipal, como a operação Viagem Segura, que visa prevenir a ocorrência de roubos aos usuários de transporte coletivo. O órgão também é responsável pelo planejamento integrado dos eventos culturais e esportivos promovidos na capital.