trem-anima

 

2137Prezar pela segurança e tranquilidade de seus usuários e colaboradores é regra na CBTU Belo Horizonte. Com foco nesta missão, o Batalhão de Rondas Táticas Metropolitanas da PMMG realizou mais um treinamento simulado, na Estação Central, na última semana.  

Com o intuito de elaborar técnicas de invasão a recinto, utilizando trens da Companhia, cerca de 50 militares passaram por uma bateria de atividades em um período de cerca de duas horas. Os profissionais, também, passam pelo processo de aprendizado, visando as suas respectivas formaturas pela ROTAM.  

De acordo com o Tenente da Polícia Militar de Minas Gerais e responsável por aplicar a capacitação, Arley Rodrigues, é de extrema valia esse procedimento, uma vez que ocorrências de grande magnitude podem gerar impactos negativos e as respostas devem ser rápidas. “Acredito muito na importância da aplicação dessas táticas, especialmente, em ambientes de trens urbanos, já que o militar precisa estar preparado para atuar em circunstâncias pesadas e garantir a integridade do usuário”, destaca.   

Já o gerente de Segurança Empresarial da STU-BH, Rodrigo Guimarães, destaca que a CBTU vem trabalhando, em parceria com diferentes instituições e grupos em ações de treinamento da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Agência Brasileira de Inteligência (ABIN), Polícia Federal e da Secretaria de Estado da Defesa Civil, de forma a dar conhecimento às corporações sobre as particularidades do Metrô, para que possam atuar ainda melhor em caso de ocorrências e sinistros que demandam a participação da empresa.