trem-anima

 

2325Desde março deste ano, a CBTU Belo Horizonte tem buscado atender às demandas da população que depende do transporte público sobre trilhos, enquanto promove atividades e campanhas de enfrentamento à Covid-19. Algumas dessas iniciativas, tais como a desinfecção de estações e trens e a disponibilização de totem com álcool em gel na estação Eldorado, têm sido reconhecidas como essenciais pelos usuários. 

Para a enfermeira Geiza Assis, que utiliza o metrô diariamente a estação Santa Efigênia, tanto as ações quanto a operação do sistema têm sido fundamentais para quem trabalha na área da saúde. “Eu sempre observo as estações e trens muito limpos e vejo isso como um diferencial do metrô em relação a outros sistemas”. “O metrô é peça chave para a locomoção do trabalhador e a desinfecção de trens e estações é uma medida de proteção indispensável”, acrescenta a supervisora dministrativa de RH, Juliana Cláudio.

Já para o técnico em informática, Pablo Maia, é a limpeza entre viagens que ajuda a ampliar a sensação de segurança do passageiro. “Percebo que a operação do metrô é crucial para a Região Metropolitana de BH e penso que ele é um dos meios mais seguros para se utilizar, em meio à pandemia, pois sempre que chego para embarcar consigo ver a limpeza de trens acontecendo na estação Eldorado e isso me deixa mais tranquilo ao usar as composições”, comenta.

A recente parceria da CBTU-BH com a Flymídia, que resultou na instalação de totem com álcool em gel na estação Eldorado também é motivo de reconhecimento. “Percebo várias iniciativas que demonstram o cuidado com o usuário, incluindo a disponibilização de totem para a higienização de mãos, em Eldorado, e espero que medidas como essas possam ser ampliadas, observa o instrutor de treinamento Lucas Costa.