trem-anima

 

Em cumprimento à sentença proferida pela 15ª Vara da Justiça Federal em Minas Gerais, a CBTU realizou neste domingo (8/9), mais uma fase do reequilíbrio tarifário, que ocorreu de maneira progressiva em todas as capitais onde a empresa atua.

O escalonamento tarifário foi definido após audiência de conciliação realizada em 24 de abril e começou a ser aplicado, em maio, pela CBTU depois de 13 anos sem reajustes nas tarifas em Belo Horizonte, 15 anos em Natal, Maceió e João Pessoa e sete anos em Recife, o que resultou em elevada defasagem em relação ao custo de manutenção do sistema.

A implementação da nova tarifa segue o cronograma ordenado pela Justiça e será realizada conforme descrito: 

Tarifa WEB