trem-anima

 

230620a

Em visita a Pernambuco nesta segunda, 22, o Ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, anunciou o repasse de R$22,8 milhões para investimentos no Metrô do Recife. O anúncio foi feito na sede da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste - Sudene e, segundo o ministro, é o primeiro investimento feito em nove anos no Metrô. O valor será utilizado para construir uma ponte ferroviária no Cabo de Santo Agostinho; melhorar a acessibilidade nas estações do município do Cabo e trocar as cobertas de seis estações da Linha Centro. O diretor-presidente da CBTU, José Marques, e o superintendente da CBTU Recife, Carlos Ferreira, estiveram presentes no anúncio.

“Nós estamos, depois de nove anos, fazendo o primeiro investimento no sistema de metrô da região metropolitana de Recife. E o fizemos porque tivemos um cuidado de vir a Recife, conhecer o sistema, entender suas fragilidades e a partir daí fizemos um esforço de remanejar recursos de nosso orçamento”, afirmou o ministro, que visitou a sede da CBTU no Recife em 5 de março. Marinho destacou ainda que a bancada de deputados já se comprometeu a ajudar na liberação de orçamento para o Metrô em 2021, para que haja um volume maior de recursos para os investimentos necessários no sistema de trens pernambucano.

As obras de construção da ponte ferroviária sobre o Rio Pirapama devem começar em 90 dias. A ponte faz parte do projeto de duplicação do ramal Cajueiro Seco – Cabo do VLT. “A CBTU não tem investimento há anos. Essa é uma tentativa de minimizar questões que surgiram. O Metrô do Recife é um dos maiores do país e estava entre as nossas prioridades”, destacou José Marques, diretor-presidente da CBTU. A duplicação do VLT permitirá a redução do tempo de espera de 50 minutos para 20 minutos e irá quadruplicar o número de passageiros transportados. Atualmente, cerca de cinco mil usuários utilizam o VLT.

230620b

“Esse repasse de recurso vai ser referente à implementação de obras estruturais. Vai ser implementada, primeiro, a reforma de cobertas, pois temos diversas estações com as cobertas bem deterioradas em função do tempo. Nós vamos ter obras de adequação para a acessibilidade nas estações do Cabo e a construção da ponte sobre o Rio Pirapama. Nós estimamos que em torno de 60 dias o processo licitatório estará sendo concluído para essas três ações", explicou o superintendente da CBTU Recife, Carlos Ferreira. As estações Santo Inácio , Ponte dos Carvalhos e Pontezinha receberão rampas, corrimões e piso tátil para adequar da estrutura da estação às normas de acessibilidade vigentes. Serão trocados os telhados das estações Afogados, Santa Luzia, Werneck, Barro, Engenho Velho e Alto do Céu.

O ministro Rogério Marinho teve uma reunião com o governador Paulo Câmara no Palácio do Campo das Princesas, após a visita à sede da Sudene. Marinho ressaltou que é preciso uma solução tarifária. “Historicamente, no mundo inteiro, o metrô tem um suporte por parte dos governos. É necessário equilibrar esse processo. Se o governo estadual tiver interesse em um consórcio na Região Metropolitana, o governo federal também tem. Os municípios também, então todos temos que nos sentar e encontrar um processo de equilíbrio. Certamente o Governo do Estado será sensível, porque é necessário que haja um equilíbrio nas contas do sistema para que o sistema se mantenha saudável e continue a prestar um bom serviço à sociedade e à população da região metropolitana”, afirmou.