trem-anima

 

A CBTU - Companhia Brasileira de Trens Urbanos de Maceió realiza, a partir desta terça-feira, 24, ações junto aos seus funcionários e usuários sobre a importância do Agosto Lilás, evento criado por lei que tem como objetivo conscientizar homens e mulheres que toda forma de violência contra a mulher é crime. Ressalta também o conteúdo da Lei número 11.340, Lei Maria da Penha, de 2006, como principal instrumento de proteção às mulheres vítimas de violência doméstica e familiar.  

 

240821a

Colaboradores fazem gesto de Não à Violência contra a mulher

 

Os números de violência contra a mulher continuam assustadores. Segundo levantamento do DataFolha, divulgado pelo site G1, dia 07 de junho de 2021, uma em cada quatro mulheres com mais de 16 anos, foi vítima de algum tipo de violência durante a pandemia. “Esses dados mostram a necessidade de intensificar as ações educativas na sociedade mobilizando empresas públicas e privadas para o enfrentamento à violência contra a mulher”, disse o superintendente de Trens Urbanos, Carlos Jorge Cavalcante.  

 

240821b

Gerente Orleanes Lira e o superintendente Carlos Jorge distribuem cartilhas para os funcionários

Durante o expediente, muitos funcionários aderiram a cor lilás, que representa a campanha, e participaram de ato simbólico em frente à sede, com uma foto que faz referência ao Não à Violência contra a mulher, panfletagem nos setores com a distribuição de cartilha com informações sobre a Lei Maria da Penha e demais legislação que protegem a mulher contra os mais variados tipos de violência: a psicológica, a moral, a patrimonial, a sexual e a física. 

 

240821c

Superintendente Carlos Jorge entre funcionários do setor de Manutenção da empresa com cartilhas sobre o Agosto Lilás

 

Numa parceria com a Secretaria de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos (SEMUDH), e o CEDIM - Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Mulher, entidades que  cederam  um vasto material educativo, a superintendência de Trens Urbanos determinou a distribuição dos cartazes que reforçam o Ligue 180, o número nacional de denúncia de violência contra a mulher, um canal que recebe informações garantindo o sigilo da fonte, um outro conteúdo que esclarece qual o fluxo de atendimento de urgência e emergência para a mulher vítima de violência em Alagoas.

 

Assédio nos transportes públicos

 

As mulheres são as principais vítimas de violência dentro dos transportes públicos, caracterizada pelo assédio e importunação sexual, ambos crimes com penalidades definidas para os infratores. 

 

240821d

Funcionários posam com a cartilha sobre a Lei Maria da Penha

 

Para enfrentar esse problema, a CBTU vai colocar também cartazes dentro dos trens que informam que o assédio é crime, reforçando o número de denúncias 180.  



Maceió, 24 de agosto de 2021.



Ana Cristina de Moraes Sampaio

Assessoria de Comunicação

 

COMAK - CBTU/STU-MAC