trem-anima

 

184 22 10x15Amanhã, 1º de dezembro, é o Dia Mundial de Luta contra a AIDS, data voltada para a prevenção do vírus da imunodeficiência humana. O Dezembro Vermelho, campanha instituída pela Lei n.º 13.504/2017, marca a mobilização nacional na luta contra o HIV, chamando a atenção para a prevenção, a assistência e a proteção dos direitos das pessoas infectadas.

Para promover a conscientização dos usuários do metrô, o programa “BH de Mãos Dadas Contra a AIDS” da Prefeitura de Belo Horizonte e o grupo Mobiliza SUS estarão em ação amanhã, nas estações Lagoinha, Central, Minas Shopping, São Gabriel e Vilarinho, como também nos trens, das 9h às 13h. 

O vírus HIV é uma Infecção Sexualmente Transmissível (IST), transmitida principalmente por contato sexual sem preservativo, quando um dos parceiros está infectado. Além disso, gestantes portadoras do vírus podem transmitir a doença para os bebês durante a gravidez ou parto.

Vale lembrar que, até o momento, não há cura para a infecção, o tratamento é feito com o uso de medicamentos antirretrovirais oferecidos pelo SUS, capazes de impedir a multiplicação do vírus. “O diagnóstico precoce do HIV, aliado ao tratamento adequado, contribui para uma melhor qualidade de vida do paciente, por isso, a prevenção, a testagem e as campanhas de conscientização, como o Dezembro Vermelho, são essenciais”, afirma a coordenadora de assistência social e medicina do trabalho da CBTU-MG, Valéria Gomes Magalhães.

Prevenção: o uso do preservativo, masculino ou feminino, em todas as relações sexuais, é o método mais eficaz para evitar a transmissão das Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST’s), como a AIDS e as hepatites virais B e C.

Testes: o SUS realiza exames laboratoriais e testes rápidos gratuitamente para IST’s, nos 152 Centros de Saúde, em Centros de Testagem e Aconselhamento – CTA e nos Serviços de Atenção Especializada.